+55 (51) 3026 8507 [email protected]

A finalidade desejada em qualquer tratamento dental é sempre estabilidade estrutural e funcional. Apesar disso, às vezes é necessário alterar alguma condição específica, gerando instabilidade. Abaixo veremos diversos artigos e estudos que podem ajudar a desenvolver melhor o trabalho de ajustes oclusais. 

 

Artigo: la recidiva in ortodonzia

Esse artigo explicita que a estabilidade do resultado após um tratamento ortodôntico é frequentemente motivo de preocupação para o profissional, visto que em muitos casos ele precisa recorrer a meios de contenção fixos ou móveis, com o intuito de impedir uma movimentação dos dentes. 

Existe um conjunto de fatores que interferem sobre eventuais dificuldades recidivas. Um dos componentes principais é a estrutura que sustenta o dente. Além disso, eventuais desequilíbrios musculares podem criar forças angulares em relação ao dente.

Hábitos musculares atrelados às velhas oclusões podem interferir no pós tratamento, porque o cérebro tem seus padrões motores estabelecidos.

Importante ressaltar que todas as medições do estudo são feitas com o equipamento Theetan.

 

Artigo: Neuromuscular evaluation of post-orthodontic stability

Afirma que a retenção é quase sempre indispensável e que o tratamento provoca alteração nas posições dos dentes, gerando uma nova situação periodontal que provavelmente pode influenciar negativamente a resposta muscular. Recomenda teste simples para identificar pacientes com risco potencial aumentado.

 

artigo: Effeti del trattamento ortodontico sull’attività dei muscoli masticatori

Conseguiram explicitar a possibilidade de ter um resultado que evidencia a importância da eletromiografia para verificar e validar objetivos ortodônticos no ponto de vista estético e funcional.

Como as interferências dentárias criam desvios antêro posteriores?

PRIMEIRO CASO:

Caso severo

Resultado com sucesso significativo

Porém, após acompanhamento, foi encontrado alguns contatos que estavam gerando um desequilíbrio ocular, criando uma movimentação indesejada. A remodelação continuou até chegar em um momento estável.

Resultado final

 

Artigo: Determination of vertical dimension in implant prostheses with surface elctromyography

Para cada paciente, foi realizado 3 medições:

1 – Na chegada da prótese provisória;

2 – Depois da modificação da prótese provisória;

3 – Na chegada da prótese permanente.

Chegou a conclusão de que sEMG (equipamento de guia e análise) pode afetar positivamente o sucesso dos implantes.

 

artigo: Functional evaluation of implant supported prostheses

Esse estudo realizou uma avaliação morfológica de oclusão e uma medição do impacto da morfologia na função estomatognática. As conclusões foram de que uma oclusão funcionalmente estável pode proteger de fraturas prostodônticas.

SEGUNDO CASO:

Caso severo

Paciente antes apertava com muita força, com nova dimensao vertical aproximou-se da normalidade. Com uma condição estável, o músculo precisa se adaptar a situação.

Após 90 dias (verificação feita com Theethan a cada 2 semanas)

TERCEIRO CASO: